África do Sul – Face Adrenalin, o maior bungy jump do mundo

Neste post vou contar sobre a experiência alucinante que foi saltar de Bungy Jump na África do Sul. Eu e o Igor estávamos hospedados em Jeffreys Bay para uma temporada de 9 dias de surfe na região e as previsões apontavam para um dia de mar baixo e com muito vento para o 02/Setembro. Decidimos então aproveitar este dia para irmos até a Bloukrans Bridge, que fica a cerca de duas horas a sudoeste de J-Bay para saltarmos do Bungy Jump que a FaceAdrenalin opera nesta ponte desde 1997, e que é, nada mais nada menos, que o maior do mundo!!

Garden Route - Indo para o Bungy Jump
Garden Route – Indo para o Bungy Jump

O Bungy Jump da Bloukrans Bridge, fica na área do Tsitsikamma National Park, uma zona de preservação ambiental na Garden Route. A Bloukrans Bridge é uma ponte em formato de arco na Garden Route (N2 Highway), sobre o rio Bloukrans, que faz a fronteira entre as províncias de Eastern Cape e Western Cape. Esta ponte conecta um lado a outro de um grande vale natural, que alguns metros adiante da ponte encontra-se com o mar. É do centro da estrutura desta ponte que são realizados os saltos de bungy jump.

Chegada ao bungy jump Face Adrenalin
Chegada ao bungy jump Face Adrenalin
Chegada ao bungy jump Face Adrenalin
Chegada ao bungy jump Face Adrenalin

Chegada ao bungy jump Face Adrenalin
Chegada ao bungy jump Face Adrenalin
Chegada ao bungy jump Face Adrenalin
Chegada ao bungy jump Face Adrenalin

Aberto diariamente das 9 às 17 horas, o lugar possui uma bela infra estrutura, com restaurante, banheiros, áreas de repouso e mirante para visualizar a ponte, apreciar os saltos e a bela vista do vale. Para quem quer ficar por mais tempo e aproveitar para fazer umas trilhas pelo Parque Tsitsikamma, há a possibilidade de ficar hospedado nas acomodações que existem junto ao Bungy Jump e que oferecem chalés e cabines.

Chegada ao bungy jump Face Adrenalin
Chegada ao bungy jump Face Adrenalin
Face Adrenalin
Face Adrenalin
Face Adrenalin
Face Adrenalin
Área de Preparação dos Equipamentos
Área de Preparação dos Equipamentos
Face Adrenalin - Ponte ao fundo
Face Adrenalin – Ponte ao fundo
Face Adrenalin
Face Adrenalin
Bloukrans Bridge vista do mirante do Face Adrenalin
Bloukrans Bridge vista do mirante do Face Adrenalin
Bloukrans Bridge - área de salto
Bloukrans Bridge – área de salto

O Bungy Jump da Bloukrans Bridge, possui uma série de recordes mundiais associados a ele. Em 2003, foi reconhecido como o maior bungy jump comercial do mundo, com uma altura total da queda livre de 216 metros. Em  2008, ele foi parte também de dois outros recordes. Naquele ano, Veronica Dean realizou 19 saltos em uma hora e Bill Boshoff fez 101 saltos num período de 24 horas. Em 2011 este recorde for quebrado novamente no Bungy Jump da Bloukrans Bridge quando Scott Huntley realizou 107 saltos em 24 horas. Em 6 de Abril de 2010, Mohr Keet registrou outro recorde mundial na Bloukrans Bridge, como a pessoa mais velha a pular de um bungy jump,  aos 96 anos de idade.

Para pular de bungy jump, é possível fazer uma reserva antecipada pelo site da Face Adrenalin ou pagar pelo salto na hora mesmo (sujeito à disponibilidade). É possível também pagar para apenas fazer o passeio na ponte, sem fazer o salto. Porém, muitos que adquirem apenas o passeio pela ponte resolvem pular na última hora, já na ponte, o que é possível também.

Nós adquirimos o salto na hora mesmo. São agendadas turmas de até 20 pessoas que vão para a ponte de hora em hora. É necessário chegar no local ao menos uma hora antes do horário agendado para o salto, a fim de preparar os equipamentos, fazer a pesagem e receber todas as instruções. Nós fizemos a nossa inscrição por volta das 11 horas da manhã e conseguimos encaixe para a turma das 12 horas.

O salto tem um custo de 850 rands (cerca de R$ 200,00). Caso queira fazer um segundo salto ou mais, o valor baixa para 600 rands para cada salto subsequente. É possível comprar a filmagem do salto (que é bem bacana) a um custo de mais 200 rands. Nesse caso, após a turma retornar da ponte eles entregam uma pen-drive com o vídeo e diversas fotos do salto e de todo o local. Se preferir fazer uma filmagem com câmera própria, Go Pro ou algo do gênero, ainda assim é necessário efetuar o pagamento da taxa de filmagem, mesmo que não queira o vídeo fornecido pela Face Adrenalin.

Ao registrar-se, é necessário preencher um formulário, em seguida é feita a pesagem e dado um número de identificação para cada pessoa, sendo que tudo isso fica anotado à caneta na mão de cada jumper. Não é possível escolher a ordem dos saltos (se vai por primeiro, por último, etc..) pois a ordem é definida de acordo com o peso dos integrantes da turma.

Face Adrenalin - Área de registro e loja
Face Adrenalin – Área de registro e loja
Face Adrenalin - Área de registro
Face Adrenalin – Área de registro
Face Adrenalin - Loja
Face Adrenalin – Loja
Peso e número de inscrição
Peso e número de inscrição

Face Adrenalin
Face Adrenalin
Mirante do Face Adrenalin
Mirante do Face Adrenalin
Bloukrans Bridge
Bloukrans Bridge
Restaurante do Face Adrenalin
Restaurante do Face Adrenalin
Restaurante do Face Adrenalin
Restaurante do Face Adrenalin
Mirante do restaurante do Face Adrenalin
Mirante do restaurante do Face Adrenalin

Cerca de 20 minutos antes do horário agendado para a nossa turma fomos para um quiosque onde são vestidos os equipamentos, uma espécie de “arreio” que envolve as pernas, a cintura e os ombros.

Preparando os equipamentos
Preparando os equipamentos
O medo é temporário ... O arrependimento é pra sempre!
O medo é temporário … O arrependimento é pra sempre!
Aguardando a hora da nossa turma ir para a ponte
Aguardando a hora da nossa turma ir para a ponte

025

Em seguida fomos encaminhados para a área de acesso à ponte. Seguimos por um caminho até a beira do cliff, onde recebemos uma série de orientações do instrutor da Face Adrenalin. De lá, seguimos para a ponte.

Aguardando a hora da nossa turma ir para a ponte
Aguardando a hora da nossa turma ir para a ponte
Indo para a ponte
Indo para a ponte
Frio na barriga aumentando
Frio na barriga aumentando
Frio na barriga aumentando
Frio na barriga aumentando
Caminho para a ponte
Caminho para a ponte
Caminho para a ponte
Caminho para a ponte
Caminho para a ponte
Caminho para a ponte
Entrando na "passarela" fixada abaixo da ponte
Entrando na “passarela” fixada abaixo da ponte

Para chegar ao centro da ponte, onde são realizados os saltos, é necessário caminhar por uma espécie de “passarela” que é “grampeada” debaixo da pista e possui o piso todo vazado, sendo possível ver tudo embaixo. Essa é uma parte tensa, onde muita gente pensa em desistir, pois ali percebe-se o quanto é alto e dá um pouco de medo de cair!

Por aqui caminha-se até o centro da ponte
Por aqui caminha-se até o centro da ponte
Caminhando embaixo da Bloukrans River Bridge
Caminhando embaixo da Bloukrans River Bridge
passarela é toda vazada ... dá para ver tudo lá embaixo ..
passarela é toda vazada … dá para ver tudo lá embaixo ..
Bloukrans River visto da ponte
Bloukrans River visto da ponte
Chegada no centro da ponte
Chegada no centro da ponte
Vista do mar desde a ponte
Vista do mar desde a ponte
Face Adrenalin
Face Adrenalin
Chegando a hora
Chegando a hora
Mirante do Face Adrenalin visto da ponte
Mirante do Face Adrenalin visto da ponte
Mirante do Face Adrenalin visto da ponte
Mirante do Face Adrenalin visto da ponte
Face Adrenalin
Face Adrenalin

Chegando no centro da ponte são passadas mais algumas instruções e é anunciada a ordem dos saltos. Nesse momento fica-se sabendo quem será o primeiro a saltar e quem ficará para o fim. O Igor ficou com o segundo salto e eu com o quarto.

A equipe o Face Adrenalin é muito profissional e passa segurança para a turma. Na ponte procura-se criar um clima bacana para a galera relaxar. Rola uma música alta, e todo o pessoal dança e brinca, tudo para deixar o ambiente menos tenso. Logo em seguida, começam a chamar a turma para o salto, um por um.

Turma das 12 - Face Adrenalin
Turma das 12 hrs – Face Adrenalin
Face Adrenalin
Face Adrenalin
Plataforma de salto
Plataforma de salto
Preparando para o salto!
Preparando para o salto!
O Igor foi o segundo da turma a saltar!
O Igor foi o segundo da turma a saltar!

Enquanto um salta, outros dois já vão sendo preparados, e assim que o último a saltar é resgatado de volta para a ponte, já pula o próximo. Os momentos antes do salto, são de muita adrenalina, o coração bate forte, e dá um nervosismo grande. Eles te colocam sentado num banco ao lado da plataforma de salto e amarram a proteção da corda envolta nas pernas e pés. A partir daí não consegue-se mais caminhar. Quando chega a vez de saltar, a corda é engatada nessa base e os instrutores ajudam a ir pulando até a beira da ponte.

Existem várias câmeras que filmam toda a movimentação e os saltos, e tudo é transmitido ao vivo em telões na ponte e também no restaurante do Bungy Jump, possibilitando assistir a cada detalhe dos saltos.

Rindo de nervoso!
Rindo de nervoso!
Sou o próximo!
Sou o próximo!
Tem que confiar!
Tem que confiar!
Coração batendo forte!
Coração batendo forte!
Bóra saltar!
Bóra saltar!
O buraco é fundo!
O buraco é fundo!
P... q.. p....!!
P… q.. p….!!
Agora já era!
Agora já era!
1,2,3, jump !!!
1,2,3, jump !!!
uhhhúúú!!
uhhhúúú!!
Vai garoto!
Vai garoto!

O bagulho é alucinante! A queda dura alguns segundos, mas parece uma eternidade! Assim que saltamos da ponte, o barulho da música e substituído pelo som do vento da queda e em seguida por um silêncio total. Não se ouve mais nada e a sensação de medo é substituída por uma mistura de paz e curtição da natureza. Ao contrário do que possa parecer, a corda não dá nenhum “tranco” e te puxa para cima suavemente algumas vezes até estabilizar e ficar toda esticada.

Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Tiburón no mergulho
Face Adrenalin – Garden Route
Face Adrenalin – Garden Route
Aqui o filho chora e a mãe não ouve!
Aqui o filho chora e a mãe não ouve!
Face Adrenalin
Face Adrenalin
Face Adrenalin
Face Adrenalin
Dependurado
Dependurado
Primeiro puxão!
Primeiro puxão!
Segundos que parecem uma eternidade..
Segundos que parecem uma eternidade..
Curtindo o visual
Curtindo o visual
Curtindo o visual
Curtindo o visual

Alguns minutos depois desce um instrutor em um cabo com uma cadeirinha, te prende em outro cabo e te desconecta da corda do salto. A seguir,  te reboca novamente até a ponte, pelo lado oposto do salto. Nessa hora, dá uma sensação de muita alegria pelo sucesso da empreitada, por ter corrido tudo bem e, principalmente, por ter enfrentado e superado o medo. Quando se  está quase chegando no topo já salta outro jumper da turma.

O resgate..
O resgate..
O resgate..
O resgate..
O resgate! Feliz por estar vivo! kkkk
O resgate! Feliz por estar vivo! kkkk
O resgate! Feliz por estar vivo! kkkk
O resgate! Feliz por estar vivo! kkkk
Visual irado!
Visual irado!
Visual irado!
Visual irado!
Adrenalizado!
Adrenalizado!
Lá vai o próximo!
Lá vai o próximo!
Comemoração!
Comemoração!

A sensação depois do salto é muito boa, e a adrenalina se mistura com um sentimento de satisfação e prazer.

Após aguardarmos toda a turma pular, retornamos da ponte para a base do Face Adrenalin na beira do cliff e fomos retirar os equipamentos e buscar os vídeos do nosso salto. Adicionalmente, eles fornecem um “certificado oficial” de que você realizou o salto no maior bungy jump do mundo naquela data.

É possível comprar também um pedaço da corda que é utilizada no bungy jump para levar de lembrança. Custa apenas 40 hands (cerca de 10 reais) e essa grana serve de gorjeta para os funcionários do Face Adrenalin.

Voltando da ponte
Voltando da ponte
Devidamente certificado
Devidamente certificado
Bloukrans Bridge
Bloukrans Bridge
Missão cumprida!
Missão cumprida!

Ficamos ainda um tempo apreciando o visual e a vibe do local e acabamos decidindo por almoçar no restaurante do Bungy Jump mesmo. Dalí pudemos curtir da sacada e pela TV que transmite no restaurante, os saltos da turma subsequente à nossa.

Face Adrenalin - Mirante do restaurante
Face Adrenalin – Mirante do restaurante
Face Adrenalin - Mirante do restaurante
Face Adrenalin – Mirante do restaurante
Almoço no Face Adrenalin
Almoço no Face Adrenalin
Face Adrenalin
Face Adrenalin

Há também, junto a área de estacionamento, uma espécie de feirinha de artesanato, onde se pode comprar uns regalos africanos bem legais. Não esqueça de pechinchar muito!

Enfim, foi uma experiência incrível, com certeza inesquecível, que recomendo fortemente. Quem vai para Africa do Sul não pode deixar de pular desse Bungy Jump!

Veja abaixo o vídeo com a nossa experiência no Bungy Jump da Bloukrans Bridge:

Abração!

Anúncios

Um comentário sobre “África do Sul – Face Adrenalin, o maior bungy jump do mundo

  1. Adorei tudo e eu e minha filha estamos louca para pular. Tenho uma dúvida é preciso marcar com antecedência? Quanto tempo antes?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s