Surf-Trip Peru 2010 – Chegada em Lima

Minha vinda para surfar o Peru estava quase virando “lenda”. Em 2008 eu mandei fazer uma prancha semi-gun, especialmente para surfar os picos peruanos, mas desde então, toda vez que eu programava uma vinda para cá, ocorria algo que me impedia. Primeiro, em 2008 e 2009 foram os compromissos profissionais. No entanto, no início deste ano, eu já estava com as passagens emitidas para vir em fevereiro, junto com o Denda e a Maíra. Mas no dia 31 de janeiro fui mordido por um tubarão surfando em Atlântida e tive que ficar sem surfar por quase dois meses.

Mas como o negócio é ser persistente, me organizei para vir em outubro, após a trip do Uruguay. Emiti as passagens usando os pontos do programa TAM Fidelidade para ficar 23 dias no país. A ideia era surfar a região do departamento de Lima, mais a região de La Libertad ao norte (Pacasmayo, Chicama e Puemapi) e ainda ir até Lobitos, quase na fronteira com o Equador. Minha intenção era também de, além do surfe, conhecer Lima, Cusco e Machu Picchu.

Bandeira do Peru

MapaPeru

Depois de algum tempo, o João Bier decidiu se juntar à barca. Ele iria conseguir ficar somente 10 dias, com foco para “parte surfe” da trip. O João convidou então um brother que já havia ido com ele para a Costa Rica, o Luis Cláudio, que topou ir também. Estava fechada a barca !

Iriamos em voos diferentes, eu chegaria um dia antes em Lima voando pela TAM, com uma conexão em São Paulo. Eles voariam direto de POA para Lima pela TACA e nos encontraríamos todos em Lima para seguirmos para Punta Hermosa, que seria nossa primeira parada.

Embarquei em POA dia 10 de outubro à noite e passei a madrugada em Guarulhos, pois o voo SP-Lima saía apenas no outro dia, às 8hrs da manhã. No embarque em São Paulo já fiz parceria com uma turma de Niterói que estava indo surfar também em Punta Hermosa e ficariam hospedados na mesma pousada que a gente lá.

Uma parte legal do voo é quando ele sobrevoa o Lago Titicaca, bem na fronteira Bolívia/Peru. O Titicaca é o lago navegável mais alto do mundo, situado a uma altitude de  3821 metros acima do nível do mar.

Lago Titicaca
Lago Titicaca

Cheguei em Lima às 11:40 da manhã (fuso de duas horas a menos em relação ao Brasil), passei a imigração, peguei malas e pranchas, e na área de desembarque já estava me esperando, com uma plaquinha com meu nome, o motorista enviado pelo hostel (Hitchhikers Backpackers) que eu ficaria hospedado em Miraflores (Lima).

Chegando em Lima
Chegando em Lima
Aeroporto de Lima
Aeroporto de Lima
Aeroporto de Lima
Aeroporto de Lima
Cliff de Miraflores e a Costa Verde
Cliff de Miraflores e a Costa Verde
Hostel Hitchhikers Backpackers
Hostel Hitchhikers Backpackers
Hostel Hitchhikers Backpackers
Hostel Hitchhikers Backpackers

Após fazer o check-in e deixar minhas coisas no hostel, fui dar uma volta por Miraflores, fazer um câmbio e procurar algo para almoçar. Miraflores é o bairro mais “cool” de Lima, posicionado acima do Cliff da Costa Verde, à beira do Oceano Pacífico. É um bairro de alto padrão de Lima, o bairro das embaixadas e consulados, dos parques, praças, e muitas opções de hospedagem, restaurantes, shoppings, lojas, etc…

Fiz o câmbio em uma loja na Av José Pardo, indicada pela funcionária do Hostel e almocei um “Pollo a la brasa” em um restaurante próximo a “Calle de las Pizzas”. De lá, segui até o “Parque Del Amor”, que fica na beirada do cliff de Miraflores e onde os casaizinhos peruanos ficam atirados ao sol na grama, curtindo a bela paisagem a beira mar em clima romântico.

Parque del Amor
Parque del Amor

Ao lado do “Parque Del Amor” está a área de voo livre, onde pulam as Asa Deltas e Parapentes que sobrevoam a beirada do Cliff.

Área de voo livre - Miraflores
Área de voo livre – Miraflores
Área de voo livre - Miraflores
Área de voo livre – Miraflores

De cima do Cliff, que tem cerca de 70 metros de altura, avistam-se todas as praias da Costa Verde de Lima, e bem abaixo do Parque Del Amor fica o molhe onde está construído o famoso restaurante “Rosa Náutica”, entre as praias de “Makaha” e “Waikiki”. Tinham boas ondas na Costa Verde neste dia, o swell estava bem forte e a galera estava fazendo a festa lá embaixo, especialmente na praia “La Pampilla”.

Molhe com o famoso Restaurante Rosa Náutica, na Costa Verde
Molhe com o famoso Restaurante Rosa Náutica, na Costa Verde
Playa La Pampilla
Playa La Pampilla
Surfe em La Pampilla
Surfe em La Pampilla
Miraflores
Miraflores
Miraflores
Miraflores
Restaurante Rosa Náutica
Restaurante Rosa Náutica
Swell bombando a Costa Verde
Swell bombando a Costa Verde

Segui costeando o cliff até chegar ao shopping Larcomar, que é um shopping/boulevard a céu aberto, encravado no meio do Cliff de Miraflores. Muito maneiro lá, com bares e restaurantes bem na beirada do Cliff, e um baita visual do Oceano Pacífico. Além disso, tem algumas surf-shopps lá no Larcomar, incluindo uma outlet da Rip Curl. Ademais, há também duas boates, que segundo o pessoal daqui, bombam na noite.

Shopping Larcomar
Shopping Larcomar
Shopping Larcomar
Shopping Larcomar
Shopping Larcomar
Shopping Larcomar

Saí do Larcomar já havia anoitecido e segui até o Mercado Inca, onde estão os melhores artesanatos, roupa e artefatos típicos do Peru.

Mercado Inca - Miraflores
Mercado Inca – Miraflores

Saindo de lá, jantei uma pizza e voltei para o Hostel para dormir.

Para ver o álbum completo desta trip clique:

Trip Peru 2010 – Parte1

Trip Peru 2010 – Parte2

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s